A terrível Cinomose: saiba mais sobre essa doença

Existem algumas doenças de cães que são muito graves e, dentre elas, não podemos deixar de falar sobre a Cinomose, doença endêmica em todo Brasil, que causa lesões no Sistema Nervoso Central e pode levar à morte.

A cinomose é causada por um vírus chamado Canine Distemper Vírus, também conhecido como CDV. Esse vírus, da mesma família do vírus do Sarampo, pode degenerar a bainha de mielina dos neurônios, causando desde problemas de locomoção até convulsões generalizadas graves.

Por ser um vírus, é transmitido através de secreções, como a saliva. Mesmo que ele tenha baixa resistência ao ambiente, ainda assim é muito difundido em cães que têm acesso à rua, possuindo alto grau de transmissibilidade.

O vírus tem dois principais locais de entrada no organismo: pela via oral ou pela via nasal. Se o cão tiver contato pela boca, poderá desenvolver sinais clínicos (sintomas) como diarreia ou diarreia com sangue. Se o vírus for inalado, poderá desenvolver tosse, espirro e até mesmo pneumonia. Independente da via de entrada, o local mais comum de desenvolvimento do vírus é o Sistema Nervoso Central, à qual poderá levar disfunções motoras e principalmente convulsões. Além disso, outros sinais podem estar presentes também, como falta de apetite, emagrecimento, incoordenação motora e fraqueza.

O diagnóstico é realizado através dos sinais clínicos, de exames de sangue e de um exame chamado PCR, que localiza sinais do vírus na urina. Infelizmente, por ainda não existir um anti-viral com boa ação, não há tratamento específico para a cinomose, apenas sintomático como antibióticos, complexos vitamínicos e anti-inflamatórios. Existem diversos grupos de pesquisa trabalhando na descoberta de novas formas de tratamento, mas ainda não existe consenso na comunidade científica. Uma alternativa para sequelas da cinomose é o tratamento com células-tronco, que tem apresentado ótimos resultados.

Por isso, a prevenção é sempre o melhor remédio. Com a vacinação anual, você estará protegendo seu cão contra esta terrível doença. Todavia, é necessário salientar que a vacina deverá ser realizada apenas por médico veterinário, em locais de confiança. A Clinivet possui um Centro de Imunização certificado, pronto para recebê-lo.

Não há dúvidas de que esta doença faz centenas de vítimas todos os dias. Mas, com a conscientização da população, quem sabe não conseguiremos diminuir estes números e salvar mais vidas?! :)

 

Posts recomendados

Deixe um comentário